-
-
1.283 m
661 m
0
50
101
201,59 km

329 kere bakıldı , 18 kere indirildi

yer Belisário, Minas Gerais (Brazil)

Pedal em torno do Parque do Brigadeiro.
Região fantástica, pouco explorada, com locais que parecem ter parado no tempo.
Embora tenha sido feito em 1 só dia, de bike, está sendo estudado o roteiro em 3 dias com trilhas e atividades adicionais, em parceria com a ABRIGA.

Segue descrição do Facebook:

Como dizem por aí, dias históricos começam nublados.
Esse dia de nuvens densas marcou muita coisa.
Um amigo que tinha um projeto de circundar o Parque Estadual do Brigadeiro. Outro tem um projeto onde isso é uma parte de um todo. Uma associação que está fazendo um trabalho super legal e precisa de dados. Um outro maluco que inventa um desafio onde a gente tem que pedalar pelo menos 200km numa atividade só com pouco asfalto.
Coloca tudo isso no liquidificador e bate. Mas bate muito! Porque saí desse desafio assim, liquidificado! rsrs. Estava sem treino pra isso, nem esperava que o terreno e as condições climáticas fossem elementos tão desafiadores assim nessas bandas.
Saímos de Muriaé as 02:15 de sabado e seguimos de carro para o distrito de Belisário, de onde saímos pra pedalar às 04:03.
A serração estava tão densa que até os faróis das bikes iluminavam poucos metros à frente. O frio espancava o rosto e vimos nos primeiros 5km que não fomos preparados para a baixíssima temperatura que foi subestimada. A umidade era tanta que pingava na roupa e também fazia lama nas estradas, sem se transformar em chuva.
O cenário era tão assustador que deu motivação pra enfrentar o desafio e seguir até a luz do dia permitiri as fotos.
Mas o frio não cessava. Nem os quilometros andavam na casa das dezenas.
Subidas intermináveis,com lama, outras com pedras, sobe e desce em estradas de rolagem boa, trilhas, passagens de água e tudo mais que possa ser imaginado apareceu nesse caminho.
Locais pouco explorados diante dos nossos olhos, onde um circuito estava sendo formatado, pronto pra receber outros ciclistas que vão querer se desafiar em belezas que só os parques conservam em suas áreas, ou nas áreas de amortecimento, que é o caso, por onde andamos.
A noite caiu e a busca das cidades-metas continuava.
Até mesmo implorar por um café quente pra esquentar o peito aconteceu.
Chegamos no ponto de partida pouco mais de 01:30 de domingo. Trêmulos com o frio que tinha voltado a fazer ao cair da noite e que intensificava a cada hora.
As belezas da região são fantásticas. Ainda estou tentando me recompor das visões que pude ter do trajeto.
Locais que pararam no tempo, pessoas que ali moram e nada esperam. Não é só uma beleza da natureza, mas também uma beleza social, de pessoas que querem o bem das outras pessoas, que valorizam a conversa e a informação.
Tenho certeza que muita coisa vai surgir disso aqui.
Já tem uma matéria no ar e outras vão sair. Deixarei o link no comentário.
Pode ter certeza que em relação à bike, o Brigadeiro nunca mais será o mesmo. Nem eu!

Yorumlar

    You can or this trail